Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Fábulas

Fábulas

3096 dias

id="BLOGGER_PHOTO_ID_5600695555156571394" />

Este livro narra a saga da Natasha Kampush, que foi raptada e esteve prisioneira de um louco dos 10 aos 18 anos. Não é uma obra literária, mas vale pelo relato, na primeira pessoa,dessa experiência horrível.

Há coisas que não se entendem, como a sua ligação quase afetiva ao raptor (ela própria reconhece que deve ser difícil de entender para quem não imagina o que ela viveu) e a facto de não ter fugido antes, dado que saiu de casa com ele por duas vezes.
Também não fala da sua vida íntima (diz ela que não quer dar a conhecer essa parte da sua vida), mas uma explicação sobre o assunto teria interesse para a compreensão da sua história.

Uma coisa engraçada, que aprendi com este livro, foi que afinal, na rica Áustria também há desocupados que passam o dia a polir esquinas, há bêbados (o próprio pai da Natasha metia-se nos copos), há bairros sociais...
Segundo o seu relato, as educadoras e professoras também deixam muito a desejar.

É um relato impressionante, que vale a pena ler.

Torta de laranja

id="BLOGGER_PHOTO_ID_5596936380027322082" />
Ingredientes:

2 colheres de sopa de farinha
480 gramas de açúcar
1 colher de chá de fermento em pó
7 ovos
2 laranjas (raspa e sumo)

Preparação:

Numa tigela misturar a farinha, o açúcar e o fermento.
Adicionar os ovos e, por fim, a raspa e o sumo das laranjas.
Envolver tudo muito bem e deixar repousar por 15 minutos.

Untar um tabuleiro com margarina e forrar com papel vegetal também untado e polvilhado de açúcar (tabuleiro de 30x30).
Verter lá a massa e levar ao forno a 180º cerca de 30 minutos.
Retirar, virar sobre um pano ou papel vegetal polvilhado de açúcar.
Enrolar e deixar arrefecer.

Notas:

É boa, boa, boa!
Receita da revista Cozinha Prática de Sucesso, edição especial de 2011.

Semifrio de Morango da Sónia

Ingredientes:


1 pacote de bolacha maria;

100 grs. de manteiga;

1 pacote de natas;

1 lata de leite condensado;

8-10 folhas de gelatina;

2 iogurtes de aroma de morango;

1 pacote de gelatina de morango;

morangos para decorar.


Preparação:


Triture a bolacha até ficar em pó.

Derreta a manteiga no microondas e adicione à bolacha triturada, amassando bem até a bolacha ficar ligada (se achar necessário, adicione mais manteiga ou, se preferir, um pouco de leite).

Forre o fundo e os lados de uma forma redonda de fundo amovível com o preparado de bolacha e leve ao frigorífico.

Corte as folhas de gelatina e demolhe-as numa taça com água fria.

Bata as natas firme e depois acrescente o leite condensado e os iogurtes, misturando tudo bem.

Escorra as folhas de gelatina e leve-as com um pouco de água ao microondas para derreter.

Mexa bem o líquido para ficar homogéneo e deixe arrefecer até à temperatura ambiente.

Com a batedeira ligada, adicione lentamente a gelatina ao preparado de natas.

Coloque este preparado na forma previamente forrada com a bolacha e leve ao frigorífico até solidificar.

Depois de estar sólido, enfeite com metades de morangos e leve novamente ao frigorífico.

Prepare a gelatina de morango normalmente, deixe arrefecer e verta lentamente por cima do preparado de natas e leve ao frigorífico a solidificar.

Para desenformar, passe uma faca à volta de toda a forma, para o semifrio descolar.

Sirva bem fresco.


Votos de uma Santa Páscoa!


Nota 1: se as frutas começarem a boiar, adicione uma pequena porção primeiro, leve ao frigorífico durante 15-20 minutos e adicione a restante gelatina depois.


Nota 2: pode optar por fazer este semifrio com outro sabor, tendo para isso que substituir os iogurtes, a gelatina e a fruta por outra da sua escolha (ananás, pêssego, tutti-fruti, ...).

Os cães ladram, ladram...

Ontem fui ao Jumbo às compras e, qual não foi o meu espanto, quando vi um cartaz a dizer que o hiper se encontraria aberto no domingo de Páscoa.
Quem é católico e gosta de celebrar a Páscoa, se trabalhar num hiper, não tem esse direito!
(e viva a liberdade religiosa...)

É por isso que eu me indigno quando estes senhores (Belmiro de Azevedo, Soares dos Santos...) são entrevistados em horário nobre das televisões e se armam em salvadores da pátria...
Por eles, trabalharíamos todos, todos os dias, sem feriados nem fins de semana, e ganharíamos o salário mínimo. Assim, sim, o país bolso deles evoluiria!

Ainda sobre a tolerância de ponto:
De manhã vi o final de um programa, creio que na RTPN, em que as pessoas telefonavam a dizer de sua justiça sobre se concordavam ou não com o meio-dia de férias.
Mas eu achei piada foi ao jornalista, que a certa altura disse que havia câmaras municipais em que os funcionários não tiveram tolerância de ponto, que tinha tentado falar com o presidente de uma dessas câmaras (acho que era o de Penela), mas que não o conseguiu fazer já que o dito cujo presidente... estava de férias!

Gostava que me explicassem,

como se eu fosse muito burra, como é que os feriados ou tolerâncias de ponto dos funcionários públicos dão prejuízo ao país.
A mim parece-me exatamente o contrário: com escolas e repartições fechadas não se gasta energia, telefones, papel, água...
O trabalho, esse, não fica por fazer: quando a atividade recomeçar o trabalho há-de lá estar, sossegadinho, à espera de ser feito.

Por outro lado, umas mini-férias ajudam o país:
as pessoas saem de casa, pernoitam em hotéis e pensões, almoçam e jantam em restaurantes, compram artesanato...

Sinceramente, não vejo onde esteja o prejuízo dos 30 e não sei quantos milhões por dia!

Bolo Mousse de Chocolate



Ingredientes:

4 ovos;
6 c. (de sopa) de açúcar amarelo;
4 c. (de sopa) de farinha;
150 grs. de manteiga;
1 tablete de chocolate preto para culinária (200 grs.);

Cobertura:

chocolate preto para culinária (100 grs.);
leite q.b;
morangos para enfeitar.

Preparação:

Pré-aqueça o forno a 200ºC.
Bata os ovos com o açúcar até obter um creme homogéneo.
A seguir, junte a farinha, continuando a bater.
Leve o chocolate, juntamente com a manteiga, a derreter no microondas e junte ao preparado anterior, batendo tudo muito bem.

Unte uma forma (sem buraco) com manteiga e polvilhe com farinha.
Leve a cozer durante apenas 15 minutos - é suposto ficar cozido apenas no exterior, enquanto que o interior ficará cremoso.
Deixe arrefecer cerca de 15 minutos antes de desenformar.
Depois, se desejar cobertura, leve a lume brando as 100 grs. de chocolate juntamente com um pouco de leite e vá mexendo até obter uma creme brilhante e homogéneo.
Cubra o bolo e enfeite com metades de morango.
Pode servir morno ou frio.

Bom proveito!

Nota 1: receita original em http://www.nestle.pt/

Nota 2: este foi o bolo de aniversário da minha maninha :)

Rapidinha de segunda (xii)

A Maria adoece e o Manel diz-lhe para ir ao doutor.
O médico receitou-lhe uns supositórios...
A Maria chega a casa e pergunta ao Manel:
- Onde fica o ânus?
E o Manel responde:
- Ê sê lá mulher... porque nâo perguntaste ao Sr. Doutor?
No dia seguinte, a mulher volta ao médico e pergunta-lhe onde colocar aquilo.
- Ponha no recto!!! - Respondeu o médico.
Maria chega a casa e desconhecendo onde era o recto, pergunta ao Manel.
Ele responde:
- Ê sê lá mulher!!!... Porque não perguntaste ao doutor?
A Maria volta então ao consultório médico e volta a fazer a mesma pergunta ao doutor.
Ao chegar a casa diz ao Manel:
- Sabes o que o Sr. Doutor me disse?... Que o metesse no cú.
- Atâo, o que esperavas mulher?... Depois de teres ido lá chatear o home três vezes?!!!

Uma fotografia por domingo (171)

id="BLOGGER_PHOTO_ID_5596692985156080194" />

Mais uma vez, uma fotografia de um restaurante que vale a pena visitar.
Chama-se Mézio, fica na Serra de Montemuro, ali à esquerda de quem vai para Trás-os-Montes.
Comi arroz de salpicão (uma das várias especialidades da casa) e estava muito bom.
Mas o que era mesmo de cair para o lado era o pão: acho que nunca tinha comido pão tão bom em toda a minha vida!

Pág. 1/3

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2007
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2006
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2005
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2004
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D