Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Fábulas

Fábulas

Sobral de Monte Agraço...

...há muito tempo que tem um parque infantil, todos o sabemos.
O que muitos de vocês não sabem, a não ser os meus sortudos conterrâneos, é que Aveiro não lhe fica atrás e tem, desde há uns anos, o maior escorrega do Mundo (quiçá da Europa!!)

Foi construído ainda no mandato do anterior Presidente da Câmara.
E não foi feito para ser um escorrega, mas sim uma passagem desnivelada da Linha do Norte.
O engraçado é que, durante a construção, ninguém parece ter reparado que aquilo estava a ficar inclinado demais para ser uma estrada!
Os engenheiros não devem ter olhado para o "boneco", a autarquia não se preocupou muito porque já se sabe que nestes casos ninguém é responsabilizado e o dinheiro sai sempre do bolso dos mesmos tristes...
O que me espanta é que nem os trabalhadores tivessem dado por ela quando deixavam cair alguma ferramenta e ela despencava por ali abaixo.

Hilariante foi a explicação do então presidente, depois da ver a obra pronta e inútil "foi um erro, mas não tem importância nenhuma. Basta que a rotunda vá um bocadinho mais para a frente e depois reconstrói-se a estrada"

Só que a rotunda não foi...
E pronto...
Alguns anos depois e já com novo presidente - que prometeu na campanha eleitoral que em Maio a nova passagem estaria pronta - (só se esqueceu de dizer de que ano, mas isso é um mero pormenor...), temos o maior escorrega do Mundo!

Sugeria aqui que o transformassem em monumento nacional, que organizassem excursões para o visitar, pusessem umas tendinhas a vender recordações e assim, cheia de vergonha, talvez a rotunda finalmente se afastasse, esticando a estrada à maneira desta ficar transitável!

Ou alguém tem uma ideia melhor?



Cá está ela!
Ou pensavam que isto era uma fábula?

Farta!

Sou professora.
Do 1.º ciclo, o que me torna especial e com um trabalho diferente do dos meus colegas de outros ciclos.

No 1.º ciclo não há furos, não há funcionários sempre disponíveis para nos atender os pedidos (uma percentagem enorme de escolas do 1.º ciclo nem funcionária tem, o que à partida nem sequer devia ser permitido!)...
Trabalhamos sempre 5 horas por dia, todos os dias.

No 1.º ciclo o intervalo não serve para descontrair e tomar qualquer coisa no bar... (não há bar!)
No intervalo apartamos bulhas, atendemos telefonemas e às vezes pais, lemos correspondência, vigiamos o recreio, fazemos curativos em mazelas diversas.
Isto tudo em 30 minutos...
E, se tivermos sorte, conseguimos comer as sandes que trouxemos de casa e beber um "café"!

No 1.º ciclo (nos outros também, mas neste nota-se muito mais), fazemos de mãe, de avó, de psicóloga, de confidente de vidas que nada têm de simples.

No 1.º ciclo somos polivalentes: tanto damos uma aula de música, como de educação física, como as regras da língua e os truques dos números.
Mas temos, além da formação inicial, formação também nessas áreas, que vamos fazendo ao longo da carreira.

Entrei nesta profissão por acaso, apenas para não estar parada e fugir ao bendito "ano propedêutico".
Fiquei e gostei.
E agora não a trocava por nenhuma outra...

Mas...
... estou farta de ser bode expiatório de tudo o que de mal acontece neste país;
... estou farta de ser desrespeitada por uma ministra que põe em último lugar das suas prioridades, os professores;
... estou farta de levar "puxões de orelhas" de gente que nada tem feito a favor das escolas, nem dos alunos, e que nem sequer cumprem as suas obrigações;
... estou farta de tanta burocracia que nos rouba tempo, disposição, motivação, paciência!

FARTA!!

"Até os cães andam tristes..."

Foi esta a justificação de uma mãe para tirar o filho dos prolongamentos...
Chegou à conclusão de que o filho, na escola das 9 às 17:30, tinha deixado de ter tempo para actividades essenciais e, sobretudo, num ambiente diferente do da escola.

Tinha deixado de ter tempo para brincar em casa com o irmão, para conversar calmamente com a mãe e com o pai, para ler, para estudar, ou simplesmente para estar sem fazer nada...
Mas parece que quem se estava mesmo a ressentir a sério eram os dois cachorros que, segundo a mãe, andavam por lá murchos e tristes sem o companheiro de brincadeiras!

Largar a escola para brincar com os cães?
Onde é que já se viu?
(pensará a ministra e outros seres altamente pensantes, como aquele senhor da confap)

NOTA:
A cadela da foto chama-se Tara e está para adoptar aqui

O que é a beleza?

"beleza é fundamental"
ou
"a beleza não põe a mesa"?

Talvez nem 8 nem 80 e toda a gente se deve arranjar para si, para se sentir bem e não só para os outros.
Este anúncio pulicitário da DOVE mostra que ninguém é perfeito...
Mas que as tecnologias de hoje transformam qualquer patinho feio no mais belo cisne!

Isto é dedicado às mais novinhas, porque as quarentonas como eu já sabem isto há muito e não se iludem com estes truques (cof, cof...)
Por isso, devem ser realistas e, quando vêem aqueles rostos e corpos perfeitos em todas as revistas, devem ter a noção de que eles/elas não acordam assim!
A beleza vem também de dentro.
Aquele brilhozinho nos olhos que torna toda a gente mais bonita não se fabrica! (a não ser no photoshop, é claro!)

Ao fim de 42 dias lectivos...



...estive em 21 (sim, vinte e uma!!) reuniões!


  • reuniões de grupo
  • reuniões do conselho pedagógico
  • reuniões de preparação do conselho de docentes
  • reuniões do conselho de docentes
  • reuniões de planificação
  • reuniões para fazer os TPC das acções de formação...
  • acções de formação

...............

Alunos?
Hã?? Quem são esses??

Pág. 2/2

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2007
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2006
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2005
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2004
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub