Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Fábulas

Fábulas

O povo é sereno!

Há um senhor sindicalista (só podia), chamado Avelãs, que acerca das - atrasadas - colocações de professores, atira as seguintes pérolas no site Educare:

"Não há motivo para alarme. O atraso não é preocupante e neste momento ainda não se verifica agitação entre os professores. A maioria encontra-se a gozar o resto das férias e o calendário apontado pelo Ministério para a divulgação das listas está mais ou menos dentro das expectativas", afirmou o sindicalista, lembrando que "em concursos anteriores, nomeadamente no ano passado, a situação foi bem pior".

É verdade que os professores estão de férias!
Mesmo que quisessem interrompê-las para irem conhecer o novo local de trabalho, procurar casa e outras ninharias, não o poderiam fazer porque, simplesmente, não sabem ainda para onde irão!
Agora dizer que não há motivo para alarme, que o pessoal está todo calmamente a gozar as suas férias e não dão mostras de "agitação", valha-me Deus!
O que queria ele que os professores fizessem?
Que desatassem a gritar ou a matar gente?
Será que ele acredita mesmo que no dia 23 de Agosto, com perspectivas de ter de esperar até ao dia 31 (ou mais, nunca se sabe!) para saber se e onde estão colocados alguém pode estar descansado?
Será que ele não sabe que muitos professores, depois da colocação, vão ter ainda de procurar casa, de procurar amas, ou infantários, ou escolas para os filhos?
Das duas uma: ou não sabe, ou finge que não sabe.
Qualquer das situações é grave e preocupante, por sabermos que é um tipo destes que representa os professores...
Perante isto, deixo aqui a pergunta que já fiz uma vez e ninguém soube responder:
Para que raio servem os sindicatos?

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2007
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2006
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2005
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2004
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub